O Programa de Estudantes-Convênio de Pós-Graduação (PEC-PG), criado oficialmente em 1981, oferece bolsas de estudo para nacionais de países em desenvolvimento com os quais o Brasil possui acordo de cooperação cultural e/ou educacional, para formação em cursos de pós-graduação strictu sensu (mestrado e doutorado) em Instituições de Ensino Superior (IES) brasileiras.

São oferecidos aos contemplados os seguintes benefícios:

  • Vagas em IES brasileiras recomendadas pela Capes, sem custos de matrícula;
  • Bolsa mensal no mesmo valor que a oferecida aos estudantes brasileiros, a saber: R$1500,00 para mestrado, com duração máxima de 24 meses, e R$2200,00 para doutorado, com duração máxima de 48 meses; e
  • passagem aérea de retorno ao país do estudante estrangeiro.

 

Requisitos do Programa:

  • Ser cidadão de país em desenvolvimento com o qual o Brasil mantenha Acordo ou Memorando de Entendimento na área de Cooperação Cultural, Educacional ou de Ciência e Tecnologia. Veja quais são os países participantes do PEC-PG;
  • Não ser cidadão brasileiro, ainda que binacional, nem possuir genitor ou genitora brasileiro;
  • Não possuir visto permanente, visto diplomático, visto MERCOSUL ou visto que autorize o exercício de atividade remunerada no Brasil;
  • Ter curso de graduação ou mestrado completo em uma das áreas do conhecimento científico;
  • Ser aceito por Instituição de Ensino Superior brasileira (IES), pública ou privada, em curso de mestrado ou doutorado avaliado pela CAPES com conceito igual ou superior a 03 (três). Veja a lista de cursos recomendados da CAPES.
  • Ter Curriculum Vitae cadastrado e/ou atualizado na Plataforma Lattes do CNPq, em Língua Portuguesa. Acesse a página Lattes do CNPq
  • Ser financeiramente responsável pela passagem de vinda para o Brasil, por sua manutenção até o recebimento da primeira mensalidade da bolsa PEC-PG e pela manutenção de qualquer membro da família que o acompanhe durante toda a estada no Brasil;
  • Ser portador do Certificado de Proficiência em Língua Portuguesa (CELPE-Bras), inclusive para oriundos de países lusófonos. Saiba mais sobre o CELPE-Bras;
  • Ter permanecido em seu país por, pelo menos, dois anos após ter obtido o diploma brasileiro, no caso de ex-estudante graduado pelo Programa de Estudantes-Convênio de Graduação – PEC-G.

 

Para concorrer à bolsa do Programa PEC-PG na UnB, o candidato deverá seguir os seguintes passos:

  1. Obter o Certificado de Proficiência em Língua Portuguesa (CELPE-Bras);
  2. Criar/Atualizar currículo vitae acadêmico na Plataforma Lattes;
  3. Ser selecionado para mestrado ou doutorado em um dos programas de pós-graduação da UnB (veja a lista de cursos de mestrado e doutorado da UnB);
  4. Realizar inscrição na página eletrônica da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes), do Ministério da Educação (MEC), para candidatos ao Doutorado, ou na página eletrônica do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC) para candidatos ao mestrado;
    • Candidatos do Timor-Leste devem sempre realizar a inscrição pela página eletrônica da Capes;

 

As informações detalhadas sobre o programa podem ser encontradas na página eletrônica do Ministério das Relações Exteriores (MRE).

ATENÇÃO – As informações, as fotos e os textos podem ser usados e reproduzidos, integral ou parcialmente, desde que a fonte seja devidamente citada e que não haja alteração de sentido em seus conteúdos. Crédito para textos: nome do repórter/Secom UnB ou Secom UnB. Crédito para fotos: nome do fotógrafo/Secom UnB.